Blog

Dia Mundial da Água, a fonte da vida e da purificação

Dia Mundial da Água, a fonte da vida e da purificação

De vez em quando surge um alerta mais forte de que a água começa a escassear no planeta, o que se prende frequentemente à má ligação do ser humano com a natureza. Falam-se das alterações climáticas para justificar a seca e a imprevisibilidade do clima, do desenvolvimento urbano, crescimento demográfico e dos maus hábitos de consumo para fazer valer a pouca importância que se lhe dá, mas pouco se liga, pelo menos enquanto a água não faltar. E de cada vez que ela falta, mesmo que seja temporariamente, na torneira, já é um caso bicudo. E se isso se tornasse permanente? É exactamente numa tentativa de evitá-lo que, desde 1993, a data de 22 de Março é marcada como o Dia Mundial da Água. É que urge relembrar a sua importância e assinalar e enaltecer aquele facto de que frequentemente nos esquecemos por ter o líquido à mão – a água é fonte de tudo: de vida, de saúde, de energia e também de espiritualidade.


Todos os anos há um tema instituído pela Unesco que é discutido no Fórum Mundial da Água e que estabelece a sua relação directa com a nossa sobrevivência. Em 2018, decorre em Brasília, no Brasil, sob o tema “Soluções naturais para a água” com o objectivo de encontrar alternativas aos problemas gerados, que levam à sua escassez. E como a água é também natureza e nela tudo cabe, as soluções de gestão do recurso remetem ciclicamente para a própria natureza enquanto fonte purificadora.


A água é dos tesouros naturais que mais consenso gera em termos de simbologia em várias vertentes desde os primórdios e, por isso, é forma positiva que também se relaciona com o espírito, para além do que corpo. A nível espiritual, toda a sua simbologia em várias religiões e formas de espiritualidade se centra no mesmo: a água é vista enquanto origem de vida, símbolo de fecundidade e fertilidade, de purificação e transformação, de força e limpeza. Logo, não é também de estranhar que seja o veículo mais simples e mais conhecido de purificação e limpeza de más energias.
Sabe qual é?


Para equilibrar os ambientes e absorver a energia negativa que tantas vezes transportamos para casa sem querer, coloque dois terços de sal grosso num copo de vidro e encha-o de água. Deixe o copo na divisão mais usada da casa, ou que sente pesada, durante pelo menos um dia, sem que fique fechado. Se ao fim de um dia verificar que a água ficou turva ou tem bolhinhas de ar é sinal que há más energias. Repita o processo até não haver dar conta de alterações na água.


×